domingo, outubro 29, 2006

"Ainda há pastores?" vence Prémio Especial da Lusofonia e Menção Honrosa


Pois é. Primeiro filme, primeiro festival, primeiro prémio e primeira menção honrosa. Este foi o comportamento do nosso documentário "Ainda há pastores?" no CINEECO 06. O filme venceu o Prémio Especial da Lusofonia,(no valor de 2500 Euros), ou seja, o melhor filme entre os países de língua oficial portuguesa presentes no concurso (Portugal, Brasil, etc..)
O filme arrecadou ainda uma Menção Honrosa atribuída pelo Júri da Juventude.

Naturalmente estamos todos muito felizes com estes resultados que ainda mais força nos dão para continuar em frente.

Um agradecimento muito especial a toda a equipa do filme que sempre acreditou neste projecto.

E para finalizar...milhares de agradecimentos aos pastores de Casais de Folgosinho que tão bem nos receberam durante estes 5 anos.

Muito e muito obrigado. Valeu a pena.

Aqui fica a notícia do JN sobre o prémio.

22 Comments:

Anonymous Cátia said...

E isto tudo porque tu tens «qualquer coisa» que nós não conseguimos explicar bem o que é. Mas é essa «qualquer coisa» que te torna especial e te faz fazer coisas destas...fantásticas!
Muito e muito obrigada por me teres incluído neste teu sonho!

Parabéns até ao infinito...

12:54  
Blogger Paulo Dâmaso said...

Parabéns! Fico muito contente, por ti, Jorge Pelicano [meu antigo colega de escola] e por todo o pessoal envolvido. :)

16:13  
Anonymous Anónimo said...

Pois é Jorge, passei aqui para te dar os parabéns, pelo filme que realizaste,e desejar-te a maior sorte do mundo, força aí...ainda só vi o anúncio na SIC, ta muito fixe, e já agora também dar os parabéns a todos que colaboraram no filme, bem despeço me com um abraço para o amigo de infância Jorge Pelicano.

João

23:44  
Blogger H. said...

Mais uma vez, os meus parabéns pelo reconhecimento obtido :)
Tendo estado por lá (fui uma das juradas da juventude) devo dizer que foi dos filmes mais recordados e acarinhados por todos.
Ainda bem que há quem não esqueça esses seres semi-esquecidos que são os pastores.
Boa sorte para o futuro e votos de sucesso para o filme!

00:00  
Anonymous aluap otnip said...

Pelo Jorge Pelicano, pela equipa do "Ainda há Pastores?" fico feliz com o sucesso alcançado no Cine'Eco.
Muitos parabéns e bom percurso para o futuro.

10:26  
Anonymous Tininha said...

Parabens Jorge!!! Mereces isso e muito mais

19:54  
Anonymous Anónimo said...

Parabéns ! Que venha o próximo

00:22  
Blogger Amicus said...

Os nossos parabéns!!!

07:25  
Anonymous Anónimo said...

Este é sem dúvida um documentário, filme, o que lhe queiram chamar, único e de uma qualidade extraordinária. Pena é que na estação dita de serviço público (RTP) não tenha saido nenhuma notícia relativa a este documentário e aos prémios arrecadados, ao contrário do que aconteceu com o DOCLisboa que tem sido mais do que comentado.
Será que o Festival de Seia não é suficientemente bom para ser 'falado' na RTP?
são estas pequenas coisas que fazem de Portugal um país de pequenos(grandes) contrastes.
PARABÉNS ao Jorge e que nos dê mais documentários como este.

12:55  
Anonymous Anónimo said...

Eis que numa conversa de sábado à noite, um amigo teu fala entusiasticamente deste teu primeiro filme. Fiquei tão curiosa, que assim que cheguei a casa, mesmo carregadinha de sono, fui procurar na net! Encontrei! :) Gostei muito! Fiquei atenta há saída dos resultados do concurso... Parabéns!!!! Agora só me falta mesmo, ver o filme todo! Para quando num cinema em Leiria! Irei estar atenta... ;)

Cláudia

17:42  
Blogger Produção filme said...

Olá a todos. Acho que chegou a altura de tecer uns breves comentários. Em primeiro lugar um agradecimeto geral a todos os que comentaram o nosso trabalho. Sinceros agradecimentos. É isto que nos motiva.
Honestamente...há já algum tempo que esperavamos este momento positivo. Não é, confesso, totalmente surpresa. Sabíamos o que tinhamos e tentámos trabalhar toda a matéria-prima com muita criatividade e dedicação. Tão simples quanto isso.
Daqui para a frente vamos continuar como até aqui. Sempre com os pés bem assentes na terra e encarando o futuro com tranquilidade.
Vamos tentar mostrar o filme em várias cidades do país (aceitam-se sugestões) de modo a mostrar o filme a um maior número de pessoas possível.
Muito e muito obrigado.

Jorge Pelicano

19:55  
Blogger GK said...

Parabéns pelo prémio. Vi o filme, no IPJ de Coimbra, ontem. Adorei. Fiz questão de o comentar no meu blog.

22:45  
Blogger GK said...

Obrigada pela visita. Da minha parte, farei o que puder para passar a palavra. Acrescentei, aliás, o V. blog como link no meu.

Já agora, o meu nome é Gisela Cruz. Até há pouco tempo era jornalista em Coimbra. Sou amiga da Sandra Lopes. Aliás, foi ela que me levou a ver o filme (eu tinha falhado a sessão da FNAC).

Espero que continuem a ganhar prémios. :)

Até breve.

19:57  
Blogger lupin said...

parabens e continua o bom trabalho.

21:34  
Anonymous Eurico said...

Parabéns Jorge!!

Fui dar uma "look no trailer" e fiquei impressionado!!


Desejo-te muita sorte para este filme, e tb já para o próximo :)

Um abraço
Eurico Bastos

13:53  
Anonymous Vanda Jesus said...

Parabéns, parabéns, parabéns!!! Obrigada pelo momento extremamente agradável q proporcionaram, com a visualização deste filme /documentário... Adorei, adorei, adorei!!! Excelente trabalho...continuem.
Aproveito para dar um beijo especial para o amigo Jorge Pelicano.
Vanda Jesus

16:21  
Anonymous Anónimo said...

ENCONTREI HÁ DIAS O AVÕ DO PELICANO...OS OLHOS BRILHAVAM DE CONTENTAMENTO,PERGUNTEI PELA FAMILIA,RESPONDEU-ME COM O NETO,DA SUA VOZ SOLTAVA-SE UMA INSEGURANÇA TRÉMULA DE ALEGRIA,PELA SUA SIMPLICIDADE QUASE PARECIA TER RECEIO DE DIZER O QUE LHE IA NA ALMA...PORQUE COM ELE TIVE O PRAZER DE MUITO CONVERSAR E CARA A CARA SENTIR O PRAGMATISMO DA SUA EXPRESSÃO(OBSERVANDO E SÓ DEPOIS AGINDO,CONVERSANDO E NUNCA MENTINDO)...QUEM SAI AOS SEUS NÃO DEGENERA...NUNCA É DE MAIS... PARABENS...cnc

01:37  
Anonymous Anónimo said...

Embora a ideia do filme seja óptima, as imagens fantásticas e a descreverem a beleza de uma das zonas mais fantásticas do nosso país, o conhecimento destes lugares acarreta outros tipos de consequências, tais como ignorantes que não se sabem comportar em sítios como estes, que deixam os restos do almoço por todos os cantos, as fraldas dos "bébézinhos" pelas bermas das estradas e todo o tipo de presentinhos que toda a gente deixa para os que ficam, já para não falar dos adeptos de desportos radicais como o motocross que fazem verdadeiras crateras nas já sinuosas estradas de terra. Por estas razões e porque não gostaria que este lugar fosse destino turistico, por vezes é melhor ficar desconhecido do que se perder para sempre.

12:41  
Anonymous Maria Otilia said...

Acabei de ver o documentário que passou na SIC e comigo arrastei todos os de casa porque queria que eles vissem o que eu já senti pessoalmente, mas francamente tive receio do que estava para vir, surpreendentemente a realidade estava ali, tal qual eu a conheci.
Bem-haja pelo ar fresco que entrou na minha casa e tão boas recordações me trouxeram.

00:28  
Anonymous Anónimo said...

Caro Jorge,

Não tenho o prazer de o conhecer, mas fui ontem surpreendido com pelo seu documentário que passou na televisão. O impulso foi maior e não pude deixar de investigar quem estava por detrás da câmara.
Parabéns, bravo, entre outras palavras, parecem-me curtas para o trabalho realizado. Uma só nota:
Nunca desista de fazer mais filmes.
Felicidades

CR

14:18  
Anonymous Anónimo said...

As condições extremas em que este filme foi rodado só podem aumentar ainda mais o profundo respeito e admiração por todos os que contribuiram para esta fabulosa peça.
A musica de Thomas Newman e o Fernado Alves que nos entra todos os dias de manhã em casa complementam a fotografia e o enquadramento que são suberbos.
Quantos Herminios serás ainda capaz de descobrir neste Portugal á deriva?
O meu agradecimento por me fazerem ir ao cinema ver algo que realmente vale a pena.
Zarcos Palma

00:41  
Anonymous Francisco Neves said...

Olá Jorge,
Fiquei muito contente ao ver a SIC a anunciar a vitoria do fantástico filme,mais um figueirense amigo brilhou no Mundo...
Tenho a certeza que os teus pais e a tua irmã estão radiantes e com imenso orgulho,assim como os restantes familiares.Em outro plano há uma pessoa que gostaria de te abraçar,porque está igualmente feliz o teu avô Chico, o ti chico pelicano...um bom amigo que partiu.

Chico,vizinho do prédio do largo do sereno(residente em Ermesinde-Porto)

22:23  

Enviar um comentário

<< Home